O que prejudica seu gato?

Quem nunca pensou em adotar um gatinho de estimação? Esse ato é comum em muitos lares, afinal ter um bichinho pode alegrar a sua vida. Mas, será que você pode prejudicar seu gato? Pois é, alguns atos que tomamos não fazem muito bem a eles.

Algumas das nossas atitudes podem realmente desenvolver estresse ao seu felino. E, sem dúvidas, quanto mais você zelar pela saúde física e mental do seu bichinho, mais tempo de vida ele terá. Quer saber o que prejudica seu gato? Confira abaixo:

Carinho em excesso

Segundo estudos do “Instituto Proteção de Gatos”, metade dos felinos apresentaram um estresse alto ao serem acariciados pelos humanos. Ou seja, esses dados mostraram claramente que não gostam do carinho em excesso de seus donos.

A nossa dica é que perceba o seu gato diariamente. E, se ele apresentar incômodos ao receber carinhos demais, é hora de mudar isso. Caso contrário, continue dando amor ao seu bichinho, sempre na medida certa!

Roupas e acessórios

É importante dizer que, gatos (e cães também) não precisam de roupas e acessórios. A pelagem deles auxilia no ajuste da temperatura corporal. É claro que, em situações de frio mais intenso é até interessante colocar um agasalho extra.

Caso contrário, pode acabar prejudicando a pele e aumentando o estresse do bichinho. E, assim como as roupas, também é importante evitar colocar acessórios a mais no corpo. Em algumas situações, como tirar uma foto por exemplo, não há problema. Porém, é importante saber limitar o uso desses itens.

Susto

Assustar ou amedrontar pode prejudicar seu gato. Esses atos deixam seus níveis de estresse altíssimos. E, como consequência, eles podem arranhar, morder e até se machucar se saltarem alto por causa do medo.

Além disso, sob o estresse do susto muito grande, eles soltam um cheiro horrível por uma glândula que indica o estado de perigo. Então, se controle e não fique assustando seu bichinho.

Ficar muito tempo fora de casa

Os gatos, se compararmos aos cachorros, possuem maior resistência a períodos longos de solidão. Eles podem suportar ficar até 6 horas sozinhos. No entanto, não é o ideal. Eles precisam de interação para evitar o estresse e outras doenças.

Além disso, dependendo do temperamento do bichinho, eles podem desenvolver sintomas de ansiedade ao longo do tempo. Então, se você deseja manter a saúde do seu bichinho em dia, é importante dar atenção e interação a eles. Uma boa dica é adotar mais de um gato. Um poderá dar suporte ao outro enquanto você não estiver presente.

Agora que você já sabe o que prejudica seu gato, cuide bem deles e dê muita atenção e amor! Eles sempre retribuem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *